Abertura de inscrições para as actividades ecológicas organizadas pela DSPA em Dezembro

Código QR (QR Code) da aplicação móvel da DSPA

Com o início da época das aves migratórias, em Outubro do corrente ano, chegou o primeiro grupo de colhereiros-de-cara-preta, que vem passar o Inverno em Macau nas Zonas Ecológicas no Cotai, tendo sido observados, até à presente data, 42 colhereiros-de-cara-preta a repousar nas Zonas Ecológicas. Os cidadãos são bem-vindos a participar na actividade do “Dia Aberto ao Público”, que se realiza regular e mensalmente nas Zonas Ecológicas do Cotai, para contemplar a beleza das aves. As inscrições para o “Dia Aberto ao Público” de Dezembro estão abertas a partir do dia 3 desse mês. Os interessados podem obter mais informações e inscrever-se através da linha verde da DSPA (2876 2626) ou da página electrónica (http://www.dspa.gov.mo/). Dado o número limitado de vagas, o período de inscrição terminará assim que todas estejam preenchidas.

Em Dezembro, a actividade “Dia Aberto ao Público” terá lugar nos dias 14 e 28 (às 10 horas e às 15 horas) e tem o número total de 100 vagas. A visita, orientada por guias, terá a duração de 2 horas. Durante o passeio, os participantes poderão entrar na Zona Ecológica I – condicionalmente aberta ao público – para apreciar as plantas e observar a beleza das aves.

Durante a época das aves migratórias até Abril do próximo ano, será realizado mensalmente o passeio de “observação de pássaros nas zonas húmidas”. Em Dezembro o passeio realizar-se-á no dia 14 (às 9h30 e às 14h30) e tem o número total de 40 vagas. Durante a visita de duas horas e meia, os participantes serão orientados por instrutor para passear na rota e entrarem nos postos de observação de pássaros, para contemplar os pássaros através de telescópios fornecidos pela DSPA e ouvir a explicação por profissional.

No dia 28 de Dezembro (às 10 horas e às 3 horas) será organizado o Workshop “Actividade educativa sobre a natureza”, destinado às crianças e aos seus pais, existindo 10 vagas (um par de uma criança acompanhada de um adulto é considerado como uma vaga) para cada sessão. Durante a actividade de duas horas e meia, o instrutor vai transmitir conhecimentos relativos à ecologia e orientar as crianças para fazerem desenhos de folhas aí recolhidas.

A DSPA irá comunicar, através de mensagem, as informações mais recentes aos participantes no dia anterior ao da actividade. No caso de condições meteorológicas adversas ou insuficiência do número de participantes, a DSPA tem o direito de cancelar a actividade. Para além disso, podem descarregar a aplicação móvel da DSPA (DSPA app, ver o código QR no anexo), para obter informações mais detalhadas da fauna e flora, tornando a visita ainda mais interessante. (Pede-se aos participantes que protejam o ambiente e levem a sua própria água potável).

Além disso, para um bom aproveitamento dos fertilizantes orgânicos resultantes do tratamento de resíduos alimentares, e elevar a consciência ambiental junto dos cidadãos, foram adquiridos equipamentos de compostagem pela DSPA em 2019. O condicionador de solo – que provém dos resíduos alimentares tratados – depois de ter sido submetido à fermentação passa a ser fertilizante orgânico, que é empacotado em pequenas embalagens, podendo os visitantes deslocar-se às Zonas Ecológicas do Cotai para o seu levantamento gratuito e para os restantes cidadãos deslocando-se à DSPA (Estrada de D. Maria II, n.ºs 32 a 36, Edifício CEM, 1.º andar, Macau), às instalações do Centro Ambiental Alegria, subordinadas à DSPA (estando em operação experimental), ao Centro de Serviços da RAEM e ao Centro de Serviços da RAEM das Ilhas. Os fertilizantes orgânicos serão também distribuídos gratuitamente, através das actividades organizadas pela DSPA.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar