Inquérito ao emprego referente ao período de Julho a Setembro de 2019

Entre Julho e Setembro de 2019 a taxa de desemprego foi de 1,8%, isto é, manteve-se no nível do período passado (Junho a Agosto de 2019) e a taxa de desemprego dos residentes situou-se em 2,5%, subindo ligeiramente 0,1 pontos percentuais. A taxa de subemprego correspondeu a 0,4%, tendo permanecido idêntica à do período anterior, informam os Serviços de Estatística e Censos.

No período em análise a população activa totalizou 394.400 pessoas e a taxa de actividade foi de 70,2%. Salienta-se que a população empregada se fixou em 387.100 pessoas e que o número de residentes empregados atingiu 281.100 pessoas, ou seja, menos 200 e 500 pessoas, respectivamente, em comparação com o período precedente. A população desempregada era composta por 7.300 pessoas, mais 200, face ao período transacto. O número de desempregados à procura do primeiro emprego representou 21,0% do total da população desempregada, ou seja, mais 1,7 pontos percentuais, dado que os novos graduados entraram no mercado de trabalho.

No terceiro trimestre de 2019 a taxa de desemprego (1,8%) e a taxa de desemprego dos residentes (2,5%) subiram 0,1 e 0,2 pontos percentuais, respectivamente, em termos trimestrais. O número total de empregados diminuiu 100 pessoas, em termos trimestrais, destacando-se que o número de residentes empregados desceu 1.200 pessoas. Em termos de ramos de actividade económica, o número de empregados das lotarias, outros jogos de aposta e actividade de promoção de jogos foi de 84.900, menos 2.200 indivíduos, enquanto o número de empregados do comércio a retalho (41.800) aumentou 2.000 pessoas.

A mediana do rendimento mensal do emprego da população empregada no terceiro trimestre deste ano fixou-se em 17.000 Patacas, mais 700, em termos trimestrais. Sublinha-se que as medianas do rendimento mensal do emprego da população empregada nas lotarias, outros jogos de aposta e actividade de promoção de jogos, bem como na construção foram de 20.000 e 16.000 Patacas, respectivamente. Por seu turno, a mediana do rendimento mensal do emprego dos residentes empregados cifrou-se em 20.000 Patacas, sendo idêntica à do trimestre passado.



Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar