Instituto Cultural organizou sessões de partilha para operadores de stands da Feira de Artesanato do Tap Siac

Operadores de stands da Feira de Artesanato a trocar ideias durante a sessão de partilha

Para facilitar a interacção e o intercâmbio entre os operadores de stands da Feira de Artesanato do Tap Siac e consciencializar os mesmos relativamente à protecção da propriedade intelectual, o Instituto Cultural (IC) organizou duas sessões de partilha para operadores de stands de artesanato durante a Feira de Artesanato, nas quais participaram 150 operadores de diferentes regiões.

As duas sessões de partilha foram realizadas na Praça do Tap Siac, nos dias 25 de Abril e 2 de Maio, das 19:00 às 22:00 horas, visando estabelecer uma base para a colaboração futura dos operadores e proporcionando-lhes a oportunidade de se conhecerem, trocar ideias e aprenderem uns com os outros. Um total de 150 operadores do Interior da China, Hong Kong, Macau, Taiwan e Malásia subiram ao palco para apresentar as suas marcas e produtos culturais e criativos originais, enquanto representantes do IC apresentaram o programa de actividades e o regulamento da Feira de Artesanato. No final da tarde do dia 25 de Abril, o Chefe da Divisão de Inspecção do Departamento da Propriedade Intelectual dos Serviços de Alfândega de Macau, U Iek Chun, foi convidado a explicar os pontos-chave dos direitos de propriedade intelectual que são de particular importância para os operadores que comercializam produtos culturais e criativos, a fim de os consciencializar relativamente aos mesmos. Outros representantes da Organização do evento também participaram na sessão de partilha, incluindo a Gerente de Projectos da Guangzhou THE LIFE, Sarah Nie; a Supervisora da The Boys’ & Girls’ Clubs Association of Hong Kong, Wong Mei Ling; e a fundadora da CAMPOBAG de Taiwan, Chen Jing Ting.

Ver galeria


Há algo de errado com esta página?

Ajude-nos a melhorar o GOV.MO

* Campo obrigatório

Enviar